Édipo - Uma História Completa

Colecção Psicologia 

 

Carlos Céu e Silva

 

37 páginas ilustradas

Mais detalhes

978-989-8218-16-2

8,40 €

Preço reduzido!

-30%

12,00 €

Colecção Psicologia



sinopse

 O nosso primeiro sentimento de identidade, ainda confuso e desenhando-se sobre um fundo de vivências e experiências mal definidas, que se amalgamam umas com as outras, é provavelmente o de sermos filhos de alguém. Filhos de dois seres que se nos apresentam no princípio de tudo, necessário e inevitável elo de ligação com tudo o mais.

 Isso os qualifica de uma maneira óbvia como pais, como origem, como explicação da existência do filho. Filho que não escolheu nem desejou ser, mas que se confronta com a experiência de existir, oferecida por aqueles que desejaram que nascesse. E que lhe oferecem o privilégio de ser amado incondicionalmente, tendo o direito de tudo esperar, mesmo antes de saber o que é o desejo.

 José Seabra Diniz

 

 O que todos nós, indivíduos e grupos humanos contamos, é uma viagem.

 A viagem do nosso nascimento à morte, a viagem da humanidade ou de um povo. Em geral condensamos as três numa só. Dessa viagem são feitos os grandes livros da civilização ocidental, a civilização do Livro: Bíblia, Édipo-Rei, Ulisses e Odisseia, Lusíadas, A Divina Comédia, D. Quixote. . .

Maria Belo

 

 O «Complexo de Édipo» é o termo mais célebre com que Freud cunhou o vocabulário e o pensamento do século xx. O Compêndio de Psicanálise sublinha já este facto e estende as consequências a todo o género humano:

«se a psicanálise tivesse apenas no seu activo a descoberta do complexo de Édipo recalcado, isto só seria suficiente para a situar entre as mais valiosas das novas aquisições do género humano».

 

 É em 1897 que Freud descobre o que terá levado o ser humano à narração da antiga lenda de Édipo. A carta de 15 de Outubro de 189 7 a Fliess expressa a descoberta do seguinte modo: «encontrei em mim, e por toda a parte, sentimentos de amor em relação à mãe e de ciúme a respeito do pai»; e evocando mais adiante o efeito cativante que o Édipo-Rei e Sófocles continua a ter sobre o público, afirma: «todo o espectador foi um dia, em germe, em imaginação, um Édipo».

José Martinho

Carrinho  

Sem produtos

0,00 € Expedição
0,00 € Total

Encomendar

Categorias

Inscreva-se aqui para receber a nossa newsletter e fique a par de todas as nossas novidades, eventos e descontos